Posts Tagged ‘brocas’

Outras pragas do Pomar

No caso de pragas sempre bom é prevenir do que remediar. Uma boa medida é plantar espécies resistentes e adaptadas ao local de plantio e na época certa. O solo deve estar sempre em boas condições e deve-se utilizar sempre produtos naturais. Caso não seja possível, peça antes orientação técnica antes de usar defensivos. Segue adiante mais algumas das pragas mais comuns nos pomares:

ÁCAROS – causam lesões que provocam o murchamento das folhas. É controlado através de inseticidas a base de enxôfre.

pontinhos brancos que sugam a seiva da planta, enfraquecendo-a.

Cochonilhas são pontinhos brancos que sugam a seiva da planta, enfraquecendo-a.

COCHONILHAS – são pontinhos brancos ou avermelhados que esgotam a planta por sugar as folhas e talos. O seu controle é feito com óleos emulsivos.
Emulsão de óleo: leve 1 kg de sabão picado, 8 litros de óleo mineral e 2 litros de água ao fogo até levantar fervura. Mexa até virar uma pasta, que pode ser armazenada para futuras aplicações. Na hora de pulverizar a emulsão, dissolva a pasta em água morna e misture o equivalente a 300 gramas para cada 20 litros de água fria.

TRIPES – As plantas atacadas pelos tripes ficam com uma cor prateada e suas folhas ficam retorcidas e caem prematuramente. Eles atacam as folhas e os frutos mais novos e seu controle é feito com inseticidas à base de fósforo e cloro.

GORGULHOS – se alimentam de folhas maduras, deixando-as quebradas. O controle é feito por catação manual.

BROCAS – fazem furos por todo tronco da planta. O controle da broca é feito pela aplicação de carbureto de cálcio nos furos causados pelas brocas e um pouco de água para provocar fumaça. Depois pincele o tronco com cauda bordalesa.

LARGATA DAS FOLHAS – comem as folhas e o seu controle é feito com inseticidas específicos.

LESMAS – comem as folhas das plantas rasteiras. Seu controle é por catação manual.

Pulgões são pequenos piolhos que sugam as folhas da planta.

Pulgões são pequenos piolhos que sugam as folhas da planta.

PULGÕES – são pequenos piolhos verdes, brancos ou pretos que sugam as folhas, prejudicando que a planta execute a fotossíntese. Seu controle é feito através de calda de fumo ou um macerado de urtiga.

Calda de fumo: pique 20 gr de fumo de rolo, coloque em 1 litro de água e deixe ferver durante meia hora. Coe em pano fino e dilua a mistura em 4 litros de água. Depois é só pulverizar sobre as plantas, em especial nas partes afetadas pelos insetos.

Dicas muito técnicas e muito completas podem ser obtidas no site http://sistemasdeproducao.cnptia.embrapa.br/FontesHTML/Citros/CitrosBahia/pragas.htm.

Anúncios