Posts Tagged ‘adubação verde’

O uso da adubação verde

Feijão Guandú

O Cajanus cajan (L) Hunth é uma leguminosa originária da África Tropical, arbustiva, de flor amarela e folhas trifoliadas. Prefere climas quentes e úmidos; vegeta e produz bem em vários tipos de solo, não sendo exigente em fertilidade.

A adubação verde é usada para recuperar solos com baixa fertilidade. Essa técnica consiste na rotação ou no plantio consorciado de culturas. É feita sem nenhum outro tipo de adubação. Planta-se espécies vegetais específicas, que  são roçadas e depois incorporadas à superfície do terreno. O importante é que a terra não fique sem cobertura vegetal. O ideal é usar o plantio consorciado, ou seja, plantar em conjunto com a planta da cultura principal uma espécie cujas características sejam:

– plantio  simples, através de sementes;
– plantas cujas raízes atinjam camadas diferentes do solo.
No pomar, pode-se plantar junto com as frutíferas o feijão Guandu, que é uma planta subsoladora e que também pode ser consorciada com a banana e o milho.

O uso da adubação verde beneficia a terra em função da ação de suas raízes, que ajudam na formação de numerosos canais por onde passam o ar e a agua. As leguminosas apresentam pequenos nódulos nas raizes que tem o  importante papel de retirar o nitrogênio do ar e transformá-lo em alimento para as plantas .

COMO PLANTAR

Guandu Plantio: início das chuvas
Colheita: fim da estação seca. A massa a ser incorporada ao solo deve ser cortada quando começar a formação das primeiras vagens.
Mucuna-Preta Plantio: início das chuvas
Colheita: inicio da formação das primeiras vagens.
Mucuna-Anã Semeadura: Início das chuvas, com espaçamento de 50 cm entre linhas, plantando 10 sementes por metro linear.
Colheita: inicio da formação das primeiras vagens.
Crotalária Semeadura: Início das chuvas, com espaçamento de 50 cm entre linhas, plantando 30 sementes por metro linear.
Colheita: Fim das chuvas.
Tremôço Semeadura: Depois do início das chuvas, com espaçamento de 50 x 20 cm entre linhas, semeando nas entrelinhas de culturas como o milho, a cada 20 cm.
Colheita: A ramagem deve ser ceifada com rolo-faca logo após o florescimento.
Anúncios

Adubação Verde

A adubação verde é usada para recuperar solos com baixa fertilidade. Essa técnica consiste na rotação, ou plantio consorciado de culturas, e é feita sem nenhum outro tipo de adubação. É feito o plantio de espécies vegetais específicas, que são roçadas e incorporadas à superfície do terreno.

Deve-se cobrir o solo com algum cultivo para evitar a erosão

Deve-se cobrir o solo com algum cultivo para evitar a erosão

As plantas utilizadas como adubo verde possuem características especiais, e são em grande maioria da família das Leguminosas, tendo como elemento comum entre elas o fato de possuirem vagens onde as sementes são abrigadas.

A característica mais importantes dessas plantas, são nódulos formados em suas raízes por uma bactéria (rizóbio) que tem a capacidade de fixar nitrogênio na planta (400 kilos de nitrogênio por hectare em 1 ano).  São plantadas consorciadas com outras plantas.