Começando um Pequeno Pomar

BlogBlogs.Com.Br

Por ser uma planta rústica e resistente, a acerola se propaga com facilidade em toda parte do mundo. Prefere solos profundos, areno-argilosos e bem drenados. Propaga-se por sementes , estaquia e enxertia por garfagem. Plantar no início ou durante a estação chuvosa.

Por ser uma planta rústica e resistente, a acerola se propaga com facilidade em toda parte do mundo. Prefere solos profundos, areno-argilosos e bem drenados. Propaga-se por sementes , estaquia e enxertia por garfagem. Plantar no início ou durante a estação chuvosa.

O prazer de poder produzir e depois poder colher uma fruta,  no pé,  está a seu alcance. Basta um pequeno pedaço de terra, dedicação e  seguir algumas   instruções para um melhor planejamento do pomar.  Além da diversidade de espécies, de modo a proporcionar uma maior satisfação, procure reunir um certo número de variedades de uma mesma espécie frutífera.

Uma vez escolhida as espécies e variedades a serem plantadas, e qual a quantidade de cada uma, deve-se imaginar sua distribuição no terreno. Nessa distribuição deve-se procurar plantar juntar as espécies com exigências similares, o que facilitará os tratos culturais futuros.

Um outro fator igualmente importante na escolha das frutas para o pomar dependerá do clima, da região e de sua preferencia pessoal.

Feito isso, a implementação de um pequeno pomar exige:

  • Sempre que possível,  estar localizado próximo à residência, de modo a permitir frequentes visitas, propiciando, inclusive, condições para o consumo de boa parte da produção diretamente da planta.
  • A escolha das espécies, quantidades e variedades a serem plantadas.
  • Distribuição das espécies escolhidas, procurando agrupar espécies com exigências semelhantes.
  • Adoção de distribuição irregular dessas plantas, dentro de um alinhamento padrão, para se conseguir um melhor efeito estético como também uma menor incidência de pragas e doenças.
  • Observação do tipo de solo onde a espécie será plantada.  Solo sílico-argiloso, profundo, bem drenado e levemente inclinado. Os solos úmidos devem ser evitados. Os solos rasos também devem ser evitados tendo como condição mínima a adoção de 1 metro para que a maioria das espécies possam se desenvolver bem.
  • É aconselhável que haja água nas proximidades, não só para irrigação mas também para ser utilizada na aplicação de defensivos, se for o caso.
  • Sempre que possível o terreno deve se voltar par ao Norte e ser protegido do vento Sul.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s